;

NOTÍCIAS

Operação do Ministério Público mira facção criminosa e cumpre mandados em Americana e Hortolândia

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público realiza uma operação com foco em integrantes de facção criminosa e cumpre mandados na região de Campinas (SP), nas cidades de Americana (SP) e Hortolândia (SP), nesta terça-feira (4).

Os trabalhos são coordenados pelo Grupo Nacional de Combate às Organizações Criminosas (GNOC) em 15 unidades da federação.

No estado de São Paulo, a ação ocorre simultaneamente em outras dez cidades, incluindo a região de Piracicaba (SP), com apoio das polícias Militar e Civil. Estão sendo cumpridos 59 mandados de prisão e dez de busca e apreensão.

Em Americana, duas pessoas foram presas suspeitas de envolvimento com o tráfico de drogas e de integrarem organização criminosa. Um deles trabalha como servente. Em Hortolândia, um alvo está foragido. Ao todo 22 policiais militares da Força Tática atuaram nos cumprimentos desses mandados.

Gaeco de Piracicaba

Americana e Hortolândia integram os municípios da região de abrangência do Gaeco de Piracicaba, que informou o objetivo de cumprir 16 mandados de prisão em sete cidades.

Até as 9h50, desta terça, cinco pessoas foram presas e foi constatado que dez já estavam em presídios. Um alvo ainda estava foragido. Todos pertencem ao Primeiro Comando da Capital (PCC), segundo as investigações.

Também estão sendo cumpridos seis mandados de busca e apreensão.

Alvos no país

A ação abrange os estados: Acre, Alagoas, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins, além do Distrito Federal. Em todo o país são 266 mandados de prisão e 203 de busca e apreensão.

As facções criminosas combatidas são: Primeiro Comando da Capital (PCC), de origem paulista; as cariocas Comando Vermelho (CV), Terceiro Comando Puro (TCP) e Amigo dos Amigos (ADA); a capixaba Primeiro Comando de Vitória (PCV); e a paraibana OKAIDA RB, uma dissidência da OKAIDA.

No estado de SP, a operação ocorre em 12 cidades: Americana, Arujá, Cerquilho, Guarulhos, Hortolândia, Jaboticabal, Limeira, Moji das Cruzes, Piracicaba, Ribeirão Preto, Rio das Pedras e Santa Bárbara D’Oeste.(fonte site G1 Campinas)

Leia mais: