;

NOTÍCIAS

Paulista A2: Horário ruim e proibição para menores afastam torcedor do Guarani de Mogi

Campinas, SP, 11 (AFI) - Assim como tem acontecido em toda a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista, por determinação da Justiça, o Mogi Mirim não poderá permitir a entrada de menores de 18 anos no Estádio Vail Chaves, em duelo com o Guarani, às 16 horas desta quarta-feira, pela 17ª rodada do estadual.Geralmente, o Bugre costuma levar um bom público a jogos contra o Mogi Mirim, levando em conta a proximidade entre a cidade da Mogiana e Campinas. Porém, a determinação judicial, junto aos R$ 40 do valor do ingresso devem desencorajar os bugrinos. Além, é claro, do fato do jogo ser realizado na tarde de uma quarta-feira.A Justiça de Mogi Mirim determinou que nenhum menor de idade pode entrar no estádio Vail Chaves mesmo acompanhado por pais ou responsáveis. A proibição foi sentenciada pelo juiz da 3ª Vara Cível de Mogi Mirim, Fábio Rodrigues Fazuolli, no começo de 2016, e foi colocada em prática em jogos do Paulistão. Segundo Fazuolli, a decisão visa preservar a integridade dos jovens.

O clube conseguiu uma liminar no dia 20 de fevereiro de 2016 e passou a receber menores novamente. Na ocasião, a liminar só foi obtida mediante a contratação de uma empresa particular para a prestação de serviços de segurança, com a comprovação de que os profissionais contratados possuíssem credenciamento junto à Polícia Federal.Fonte (futebol interior)

Leia mais: