Bolsonaro diz que poderá dar aumento a policiais se houver acordo com demais categorias

Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta sexta, 11, que o reajuste salarial que havia prometido aos policiais federais, policiais rodoviários federais e agentes penitenciários ainda pode acontecer, se houver um acordo com outras categorias do funcionalismo público. Caso esse acordo não se concretize, o reajuste teria que ser adiado. O orçamento aprovado para 2022 prevê R$ 1,7 bilhão de aumento para estas categorias, o que revoltou as outras, que estão sem recomposição desde 2017 apesar da alta da inflação. Com isso, os seguidores de outras carreiras realizaram protestos em Brasília, fizeram paralisações e alguns órgãos públicos, como o Banco Central e a Receita Federal, tiveram pedidos de demissão em massa.

“Houve uma grita geral, muitos servidores querem aumento também. Eu acho que todos merecem aumento, todos merecem, realmente, porque trabalham, mas a pandemia nos deixou em uma situação sem recurso. Se houver entendimento por parte dos demais servidores, que alguns ameaçam greve, etc, a gente pretende conceder essa recomposição aos policiais federais, rodoviários federais e os agentes penitenciários. Se não houver o entendimento, a gente lamenta e deixa para o ano que vem”, afirmou Bolsonaro, em entrevista à TV Brasil.

Fonte: JP

Marcado como

Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?