Prefeito de Santa Bárbara d’Oeste Rafael Piovezan assina repasse de R$ 1,3 milhão a entidades

Publicidade

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan, assinou nesta terça-feira (22) o repasse de recursos à Organizações da Sociedade Civil classificadas no Chamamento Público 08/2021, com destinação de R$ 1,3 milhão em recursos captados pelo Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Sete entidades serão responsáveis pela execução de oito projetos sociais que beneficiarão diretamente cerca de 1.500 crianças e adolescentes e indiretamente 1.200 famílias do Município.

O ato de assinatura ocorreu no Gabinete do Prefeito e contou com a participação do vice-prefeito Felipe Sanches, do promotor de Justiça da Vara da Infância e Juventude de Santa Bárbara d’Oeste. Dr. Luiz Fernando Garcia, da secretária de Promoção Social do Município, Maria Cristina Silva, do presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Dr. Milton Rogério Alves, além de representantes das entidades.

“Trata-se de um repasse fundamental para aqueles que mais precisam. Nós, do Poder Público, seguimos nos dedicando a executar projetos e ações que mudem a vida das pessoas. Nesta primeira etapa de ações de carinho e cuidado com aqueles que mais precisam temos os projetos que serão desenvolvidos pela Rede Feminina de Combate ao Câncer, Serviço de Obras Sociais – Creche SOS, Associação de Beneficência e Educação, APAE, Serviço Social em Promoção da Cidadania Imaculada Conceição, Associação do Núcleo Integrado de Lazer, Esporte, Educação e Cultura e Serviço de Assistência Social MEIMEI. Investimento de mais de R$ 1,3 milhão, beneficiando diretamente mais de 1.300 crianças e jovens de Santa Bárbara d’Oeste, além de 1.200 famílias. A vulnerabilidade social deve ser enfrentada com trabalho, dedicação e muito amor! Seguimos mudando vidas!”, comentou o prefeito Rafael Piovezan.

“Quero parabenizar o trabalho realizado pela Administração Municipal. Estaremos sempre em parceria com a Prefeitura. Desejo sorte nesta gestão pública e que o trabalho competente continue, sempre com o olhar institucional também para a Promoção Social. Ressalto o trabalho das entidades, fundamental para chegar em todos os pontos”, acrescentou o promotor de Justiça da Vara da Infância e Juventude de Santa Bárbara d’Oeste. Dr. Luiz Fernando Garcia.

Saiba mais sobre os projetos contemplados:

Rede Feminina de Combate ao Câncer

Projeto: “Construindo Valores”

Valor: R$ 43.200,00

Objeto: Atendimento Psicológico e Nutricional a crianças e adolescentes, visando a construção de uma rede de cuidados capaz de responder com efetividade às necessidades dos usuários

Meta: Até 30 crianças, a partir de 4 anos, e adolescentes, portadores de neoplasia e seus familiares

Serviço de Obras Sociais – Creche SOS

Projeto: “IncrivelMente”

Valor: R$ 100.000,00

Objeto: Implantação de práticas educativas de qualidade que possam promover e ampliar as condições necessárias para a aprendizagem e reduzir os atrasos e dificuldades no processo de aprendizagem apresentados no retorno às aulas após o afastamento decorrente da pandemia, através da Neurociência como área de conhecimento

Meta: Até 96 crianças

Associação de Beneficência e Educação

Projeto: “Rompendo barreiras e ressignificando vidas de crianças e adolescentes”

Valor: R$ 204.000,00

Objeto: Desenvolvimento de trabalho multi e interdisciplinar para avaliar e atender crianças e adolescentes acompanhados pela Casa da Criança, nos aspectos de saúde mental e cognição por meio de acompanhamento psicossocial e clínico/terapêutico

Meta: Até 100 crianças e adolescentes, entre os atendidos pela instituição e os egressos que ainda estão na fase da infância e adolescência

Associação de Beneficência e Educação

Projeto: “PEC – Projeto Esporte Cidadão”

Valor: R$ 250.000,00

Objeto: Democratização ao acesso à prática e à cultura do esporte educacional, promovendo o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes com fator de formação da cidadania e de melhoria da qualidade de vida, prioritariamente daqueles que se encontram em áreas de vulnerabilidade social e que estejam regularmente matriculados na rede pública de ensino

Meta: Público direto – até 360 crianças e adolescentes de 6 a 17 anos | Público Indireto – até 1.200 familiares

APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Santa Bárbara d’Oeste

Projeto: “Integração Sensorial no distúrbio de desenvolvimento de pessoas com deficiências, intelectual, múltipla e TEA (Transtorno do Espectro Autista de nível grave e severo que necessitam de apoio muito substancial)

Valor: R$ 213.087,42

Objeto: Serviços de Habilitação e Reabilitação para crianças e adolescentes com deficiências, com espaços, metodologias, materiais e equipamentos inovadores a fim de oferecer atendimentos especializados de qualidade às crianças e adolescentes e suas respectivas famílias, atendimento especializado, viabilizando maior qualidade de vida e inclusão social

Meta: 299 crianças e adolescentes na faixa etária de 1 a 18 anos

Serviço Social em Promoção da Cidadania Imaculada Conceição

Projeto: “Erradicando o Trabalho Infantil”

Valor: R$ 168.000,00

Objeto: Desenvolvimento de ações favoráveis ao enfrentamento e a erradicação do trabalho infantil das crianças e adolescentes encaminhados pelo CREAS e Conselho Tutelar

Meta: 20 crianças e/ou adolescentes atendidos diretamente por este projeto e também suas famílias

Associação do Núcleo Integrado de Lazer, Esporte, Educação e Cultura

Projeto: “Mostra de arte em expressão da Associação NILEEC”

Valor: R$ 182.880,00

Objeto: Realização de oficinas de arte e expressão, com vistas ao empoderamento participativo social

Meta: 180 crianças e adolescentes de 3 a 14 anos e 11 meses

Serviço de Assistência Social MEIMEI SAS

Projeto: “Vida Bem Vinda”

Valor: R$ 150.903,00

Objeto: Realização de oficinas temáticas das gestantes adolescentes com a promoção, proteção, prevenção, atendimento, acompanhamento referente ao uso e abuso de substâncias psicoativas; abordagem da preparação da família para a chegada da nova criança, bem como a participação das outras crianças da família

Meta: Até 300 nascituros, gestantes adolescentes, crianças e família – filhos das gestantes

Fonte: Assessoria Comunicação Prefeitura Santa Bárbara

 


Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?