Secretaria Municipal de Educação de Americana investe em tecnologia para as salas de aula

Publicidade

A Secretaria Municipal de Educação está investindo em equipamentos tecnológicos para suprir as salas de aula da rede municipal com recursos digitais que propiciem experiências pedagógicas mais interativas para alunos e professores.

Para tanto, foram adquiridos 80 projetores multimídia, 55 lousas digitais e 190 soundbars, que funcionam como uma espécie de home theater com apenas uma caixa de som, porém mais potentes que uma caixa acústica comum.

“Acredito na Educação como ferramenta de transformação de histórias de vida e, por isso, é uma das prioridades de nossa administração. Estamos investindo na sala de aula para oferecer excelência nas condições de aprendizagem de nossos alunos, sem deixar de contemplar um ganho de qualidade no ambiente de trabalho de nossos educadores”, avaliou o prefeito Chico Sardelli.

Os novos equipamentos foram adquiridos com o objetivo de equipar a Emef Jonas Correa de Arruda Filho, na Vila Margarida, que ainda não era contemplada com esses dispositivos, e também para substituir aparelhos mais antigos que estavam instalados nas salas de aula e que foram danificados pelo uso e pelo tempo.

“O investimento em tecnologia nas salas de aula é mais uma demonstração da importância que a Secretaria de Educação dá para esse tema. A tecnologia não é importante apenas por conta da pandemia e do ensino remoto, mas também uma realidade que deve ser levada para dentro das escolas”, salientou o secretário de Educação, Vinicius Ghizini.

Com a compra dos 80 projetores, as salas de aula estão recebendo também cabeamentos novos. “Os aparelhos adquiridos agora possuem tecnologia mais recente e, em alguns casos, não compatível com a já existente nas escolas. Com isso, a secretaria dá mais um passo na modernização das classes escolares, que possuem projetores, lousas brancas, lousas interativas e som de qualidade”, explicou a diretora de Tecnologia Educacional, Alessandra Maraísa Miranda Pereira.

As lousas brancas funcionam como os antigos quadros negros, mas, com o equipamento de interatividade, permitem que o professor destaque, por exemplo, trechos de um texto que está sendo projetado e que considere importante assinalar.

Fonte: Assessoria Comunicação Prefeitura Americana


Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?