Bale anuncia saída do Real Madrid e se despede em carta para a torcida

Publicidade

O atacante Gareth Bale confirmou que está de saída do Real Madrid depois de quase 10 anos. O astro publicou em suas redes sociais uma carta de despedida para a torcida, na qual relembrou a trajetória e agradeceu aos fãs e à diretoria pelos momentos vividos. Ele tinha contrato com o clube apenas até o fim da atual temporada e não teve o vínculo renovado.

– Juntos, fomos capazes de criar momentos que vão viver para sempre na história deste clube e do futebol. Foi uma honra. Obrigado! Hala Madrid! – escreveu Bale.

A carta foi acompanhada de um vídeo de três minutos, que mostra desde a apresentação de Bale no Santiago Bernabéu, em 2013, até lances históricos do galês com a camisa merengue – como os três gols em duas finais de Liga dos Campeões, suas famosas arrancadas e outras grandes jogadas.

No texto, Bale agradece companheiros, técnicos, estafe e torcedores. E cita nominalmente o presidente Florentino Pérez, responsável por sua contratação.

– Cheguei aqui há nove anos como um homem jovem que queria realizar meu sonho de jogar pelo Real Madrid. Vestir o uniforme branco, o escudo no meu peito, jogar no Santiago Bernabéu, conquistar títulos e ser parte daquilo pelo que somos famosos, vencer a Liga dos Campeões. Posso olhar para trás, refletir e dizer com honestidade que este sonho se tornou uma realidade e muito, muito mais. Ser parte da história deste clube e alcançar o que alcançamos como jogador do Real Madrid foi uma experiência incrível e que nunca esquecerei – disse Bale.

Trajetória marcada por polêmicas

Bale chegou ao Real Madrid na temporada 2013/14, comprado ao Tottenham como uma estrela em ascensão – e por um valor que, segundo a imprensa europeia, ultrapassou os 93 milhões pagos por Cristiano Ronaldo, o jogador mais caro do mundo na época. E seu começo de trajetória impressionou, com participação decisiva na conquista da Liga dos Campeões naquela mesma temporada.

Nos anos seguintes, Bale se tornou o principal coadjuvante de Cristiano Ronaldo e virou um dos pilares da equipe, que passou a ter como destaque o trio “BBC”, com Benzema completando o ataque. Porém, começou a ser prejudicado por problemas físicos ao longo dos anos, que o fizeram ser desfalque com mais frequência e aumentaram a cobrança da torcida.

Ao voltar para o clube menos de um ano depois de sua saída, Zinedine Zidane tentou implementar uma renovação, com um movimento de alternância constante nos atletas titulares. Bale foi um dos alvos e, aos poucos, deixou de ser um atleta visto como indispensável. O astro, então, começou a somar episódios polêmicos ou de indisciplina no clube, se tornando tema na imprensa espanhola com certa frequência.

Entre o fim da temporada 2018/19 e o começo de 2019/20, ele chegou a deixar o estádio antes do fim de uma partida contra o Bétis; foi flagrado sorrindo no banco de reservas enquanto o Real Madrid perdia um jogo; e, em um dos episódios mais famosos, se recusou a disputar um torneio amistoso em Munique para ficar em Madri jogando golfe.

Meses depois, causou mais polêmica ao participar da classificação do País de Gales para a Euro 2020. Na comemoração, apareceu com uma bandeira do país com os seguintes dizeres: “Gales. Golfe. Madrid. Nesta ordem”. A partir dali, o clima para o jogador no clube ficou mais pesado, a ponto de sua saída ser vista como uma possibilidade.

O empresário do jogador, Jonathan Barnett, chegou a dar declarações públicas reclamando de Zinedine Zidane, enquanto solicitaria à direção para ir embora. A saída só veio na temporada seguinte, em 2020, quando o Real Madrid acertou o empréstimo do atacante para o Tottenham, onde o astro chegou muito jovem, vindo do Southampton.

Ao longo do último ano, o galês foi pouquíssimo utilizado pelo técnico Carlo Ancelotti, que preferiu atuar com outros atletas no ataque. Bale jogou apenas sete partidas em 2021/22, quando ficou claro que o Real Madrid não renovaria seu contrato, que expiraria neste mês de junho. A confirmação do adeus era questão de tempo, e agora o jogador de 32 anos ainda revelará seu destino.

Títulos de Bale no Real Madrid (16):

 

  • 5 da Liga dos Campeões
  • 3 do Campeonato Espanhol
  • 3 do Mundial de Clubes
  • 1 da Copa do Rei
  • 3 da Supercopa da Europa
  • 1 da Supercopa da Espanha

Fonte: GE

Foto: Reprodução/Instagram

Marcado como

Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?