FPF subsidiará operação de jogo e clubes receberão R$ 960 mil em prêmios

Em mais um ano de pandemia, que tem afetado diretamente as finanças dos clubes, o Paulista Sub-23 Segunda Divisão terá a maior parte de seus custos de operação subsidiados pela Federação Paulista de Futebol, além de render premiações aos clubes que avançarem de fases.

A FPF irá bancar os custos de delegados, arbitragem, antidoping, equipes de apoio e testes de Covid antígeno a todos os clubes.

Além do custeio, os clubes que avançarem de fase também receberão bônus que aumentam gradualmente, e somam R$ 960 mil ao todo.

Os 16 clubes que avançarem para a segunda fase receberão R$ 25 mil cada; aos oito clubes classificados para a terceira fase, R$ 30 mil cada; os semifinalistas receberão R$ 40 mil cada um. Já na decisão, o campeão receberá R$ 100 mil, e o vice-campeão, R$ 60 mil.

A FPF também irá avaliar todos os estádios do campeonato, incluindo gramado e vestiários para, em conjunto com os clubes, buscar o aprimoramento das infraestruturas.

O Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão, que começará em 22 de agosto com 30 clubes, tem previsão de encerramento em 31 de outubro. Os clubes serão distribuídos em cinco grupos com seis times cada, com todos se enfrentando dentro de cada grupo em turno e returno. Avançam à próxima fase os três primeiros colocados, além do quarto melhor colocado no geral.


Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Faixa Atual

Título

Artista

Abrir conversa
Precisa de ajuda?