Gabriel Medina e Yasmin Brunet terminam casamento

Publicidade

O surfista Gabriel Medina, tricampeão mundial da modalidade, e a modelo Yasmin Brunet não estão mais casados. A informação foi dada pelo Jornal Metrópoles nesta quinta-feira. Segundo a publicação, atualmente, cada um está morando em uma casa, mas ainda na mesma praia, em Maresias, litoral norte de São Paulo.

No início da semana, Medina anunciou que não disputaria as primeiras etapas do Circuito Mundial de Surfe para cuidar da saúde mental. A competição desse ano terá 10 etapas na temporada regular, com o título mundial sendo disputado entre os 5 primeiros do ranking na WSL Finals, em setembro, em Trestles (EUA).

A união entre Gabriel e Yasmin aconteceu em cerimônia discreta em viagem do casal ao Havaí para o réveillon de 2021, sem o apoio e o conhecimento da família de Medina. A evidência da relação estremecida foi quando em fevereiro do ano passado, Gabriel e Yasmin pararam de seguir a mãe e o padrasto nas redes sociais. Por outro lado, Simone e Charles também deixaram de acompanhar as publicações do filho e da nora.

Logo depois, Gabriel rompeu as relações profissionais com seu padastro Charles Saldanha, que atuava como seu treinador e mentor desde o início de sua carreira. Medina contratou um novo técnico, Andy King, que passou a o acompanhar nas competições ao lado de Yasmin. Gabriel também parou de seguir os familiares nas redes sociais. Na ocasião, a mãe do atleta chegou a classificar o relação de Gabriel com Yasmin como “controladora”.

Antes das Olimpíadas de Tóquio, Gabriel Medina se envolveu em uma grande polêmica com o Comitê Olímpico do Brasil (COB). O atleta fez o pedido à entidade para levar a esposa, Yasmin Brunet, para as Olimpíadas, mas teve o pedido negado. O argumento do COB alegava que os atletas só poderiam levar acompanhantes que fossem seus treinadores ou envolvidos com o esporte. Medina ainda tentou argumentar alegando que Yasmin fazia parte de seu staff em todas as competições, mas o casal não foi autorizado a ir junto para Tóquio. A influenciadora usou suas redes sociais para demonstrar seu descontentamento com a situação que caracterizou como “injustiça”. Medina acabou não conquistando medalha em Tóquio, fechando em quarto lugar.

Fonte: GE

Foto: Evelyn Rodrigues

Marcado como

Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?