Jornalistas são afastados após falas racistas contra Celsinho; jogador e Londrina avaliam medidas

Publicidade

O narrador Romes Xavier e o repórter e comentarista Vinicius Silva foram afastados após as falas racistas contra o meia Celsinho, do Londrina, em transmissão de partida contra o Goiás, pela Série B do Brasileiro. O jogador e o clube se reúnem nesta segunda-feira para decidir quais medidas serão tomadas sobre o caso.

Em nota, a Rádio Bandeirantes Goiânia informou que os jornalistas trabalham em uma parceria do veículo com a equipe “Feras do Esporte”. A emissora disse ainda que solicitou a “imediata rescisão contratual” dos dois profissionais, “sem prejuízo de outras penalidades contratuais que vierem a ser necessárias”. Já o Feras do Esporte, também em nota, informou que o narrador e o repórter foram afastados das funções. (Veja abaixo as notas)

No sábado, durante a transmissão, o narrador disse que Celsinho estava com dificuldades para se levantar porque o cabelo devia pesar demais. Na sequência, o comentarista fez comparações jocosas e concluiu dizendo se tratar de “um negócio imundo”.

– Exatamente. Parece mais uma bandeira de feijão a cabeça dele do que um verdadeiro cabelo. Não é porque eu estou perdendo os cabelos que eu vou achar um negócio imundo desse bonito.

Na noite de sábado, o Londrina se manifestou nas redes sociais e soltou uma nota de repúdio, recriminando o ato racista praticado pelos jornalistas.

– É inadmissível e lamentável, veemente, que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo! Em verdade, o racismo é inadmissível em qualquer situação, lugar, fala e deve ser lutado diariamente, por todos! Com certeza as medidas serão tomadas, contudo, cabe a nós entender que não basta não ser racista, é necessário ser ANTIRRACISTA! RACISMO NÃO! Essa luta é nossa! – postou o clube em sua conta no Twitter.

Após a repercussão, Romes Xavier igualmente utilizou as redes sociais para se desculpar com o jogador e com o Londrina, qualificando os comentários como “infelizes” e “colocações erradas que jamais deveriam ter sido ditas”.

– Peço desculpas ao Celsinho e ao Londrina Esporte Clube pelo comentário infeliz na transmissão sobre o cabelo do meia. Colocações erradas que jamais deveriam ter sido ditas. Quem me acompanha sabe o quanto sou crítico sobre condutas como essa. Peço perdão. Quem nunca errou – escreveu.

Também pelo Twitter, Vinicius Silva escreveu que se arrepende do comentário feito e pediu desculpas ao jogador e à família. Ele comentou ainda que entrou em contato com o próprio meia Celsinho para pedir desculpas.

– Demonstro todo arrependimento pelo comentário infeliz referente ao atleta Celsinho. Peço desculpas a ele e sua família. Entrei em contato com Celsinho demonstrando todo remorso. A Rádio Bandeirantes é completamente contra essa postura e eu particularmente também sou – disse.

Veja a nota do Londrina EC:

O LONDRINA ESPORTE CLUBE vem a público manifestar o seu profundo repúdio quanto ao ato de racismo praticado pelo narrador Romes Xavier e o comentarista Vinicius Silva, da Rádio Bandeirantes Goiânia, em face do meio-campo Celsinho, do Londrina Esporte Clube, na transmissão da partida realizada entre Goiás e Londrina, pela 12ª rodada da Série B do Brasileiro.

Os referidos profissionais caçoaram do cabelo do meio campista, ao usarem palavras como: “cabelo pesado demais”, “bandeira de feijão” e “negócio imundo”.

É inadmissível e lamentável, veemente, que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo! Em verdade, o racismo é inadmissível em qualquer situação, lugar, fala e deve ser lutado diariamente, por todos!

Com certeza as medidas serão tomadas, contudo, cabe a nós entender que não basta não ser racista, é necessário ser ANTIRRACISTA!

RACISMO NÃO! Essa luta é nossa!

Veja a nota da Rádio Bandeirantes Goiânia

A Radio Bandeirantes Goiânia, por meio de seus diretores, vem a público diante dos fatos acontecidos na transmissão da partida de futebol Goiás x Londrina, em 17 de julho deste ano, informar que repudia com veemência qualquer ato que possua cunho ou menção racista a qualquer pessoa, dentro ou fora do futebol.

As expressões utilizadas pelos repórteres durante a transmissão do jogo não refletem, sob nenhuma hipótese, a opinião e o posicionamento da Radio Bandeirantes Goiânia, que tem as suas premissas pautadas no respeito ao ser humano, na lisura e imparcialidade da informação.

A transmissão do jogo foi realizada pela Equipe Feras do Esporte que trabalha em regime de parceria com a Radio Bandeirantes Goiânia, sendo vedado no respectivo contrato qualquer tipo de atitude racista ou preconceituosa por parte de seus colaboradores. Assim, a Radio Bandeirantes já solicitou junto à Equipe a imediata rescisão dos jornalistas, sem prejuízo de outras penalidades contratuais que vierem a ser necessárias.

É nosso dever, como veículo propagador da informação, trabalhar para que atos preconceituosos sejam cada vez mais banidos da sociedade, e possamos contribuir para a construção de uma sociedade justa para todos.

Veja a nota da Equipe Fera do Esporte

A Equipe Esportiva Feras do Esporte, que tem parceria com a Radio Bandeirantes Goiânia no esporte, vem a público se manifestar a respeito da conduta de dois profissionais das Feras em relação ao atleta Celsinho do Londrina EC . Por ocasião do jogo em Goiânia neste sábado 17 de julho com comentários que ofenderam ao jogador, bem como a Instituição Desportiva a qual o atleta presta serviços. Não coadunamos com qualquer atitude racista, homofóbica ou algo relacionado. Motivos pelos quais conversamos com os profissionais que nos deram suas explicações e versões a respeito do ocorrido.

Temos convicção de que ambos não o fizeram por maldade e nem com intenção de ofender o atleta, contudo, apesar de entendermos seus argumentos, achamos melhor afasta-los de suas funções dentro da equipe, decisão da qual já foram comunicados pela Direção da Equipe Esportiva e pedimos desculpas em nome de todos da equipe Feras do Esporte ao Londrina , bem como ao Celsinho, seus familiares, colegas e amigos.

Nivaldo Carvalho – Diretor de Esportes

Fonte: GE


Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?