Palmeiras fará reclamação à comissão de arbitragem da CBF por expulsão de Patrick de Paula

Publicidade

Palmeiras vai entrar nesta segunda-feira com uma reclamação na Comissão de Arbitragem da CBF contra a equipe que apitou na derrota para o Atlético-MG, sábado, no Mineirão. O clube enviará vídeos para provar que houve um erro na expulsão de Patrick de Paula.

O camisa 5 recebeu o segundo cartão amarelo aos 35 minutos de partida, de acordo com o árbitro Bruno Arleu de Araújo “por ter atingido com sua perna de forma temerária a perna de seu adversário”, o volante Jair.

Mas o lance gerou revolta no Verdão, pois o volante escorregou na origem da jogada, e o entendimento é de que não era caso para segundo amarelo.

O clube demonstrará com imagens que o árbitro estava de costas no momento do lance e inicialmente nem faz menção de que iria punir o jogador do Palmeiras.

Além disso, levará o vídeo para mostrar que o auxiliar Rodrigo Correa, quem Abel Ferreira diz ter sido o responsável por recomendar a expulsão de Patrick e do próprio técnico em seguida, não tinha a melhor visão da jogada, pois estava a quase 50 metros de distância.

A ideia do Palmeiras é demonstrar sua contrariedade com o acontecimento e espera que a comissão de arbitragem tome alguma providência com o árbitro.

Na súmula, Bruno Arleu de Araújo escreveu que expulsou Abel “por ter protestado reiteradamente e acintosamente, com gestos e palavras (que não foram possíveis identificar o que foi falado), contra a decisão da arbitragem” no momento da expulsão. O auxiliar João Martins também recebeu o vermelho por reclamação ao fim do primeiro tempo.

De acordo com o comandante do Verdão, Bruno Arleu de Araújo assumiu que errou para os atletas do Palmeiras e pediu desculpas após o confronto.

Fonte: GE


Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?