Quartas de final da Champions: Chelsea enfrenta o Real Madrid, e Bayern visita o Villarreal

Publicidade

Os jogos de ida das quartas de final da Liga dos Campeões continuam a ser disputados nesta quarta-feira, com mais duas partidas. Chelsea e Real Madrid prometem um grande embate em Stamford Bridge, em Londres, e o Villarreal tenta superar o Bayern de Munique no Estádio de La Cerámica, na Espanha.

Na terça-feira, o Liverpool venceu o Benfica por 3 a 1 em Lisboa, e o Manchester City ganhou do Atlético de Madrid por 1 a 0 em casa. Os jogos de volta das quartas de final já serão na semana que vem.

Atual campeão da Champions, o Chelsea se classificou para as quartas de final depois de vencer duas vezes o Lille na fase anterior. O desafio agora é bem mais duro, contra o maior campeão europeu, que vem confiante após despachar o Paris Saint-Germain.

E em clima de revanche: na temporada passada, Chelsea e Real Madrid se enfrentaram nas semifinais, e o time inglês avançou rumo ao título graças ao placar agregado de 3 a 1. Na opinião do meia Pulisic, a equipe espanhola tem alguns novos jogadores, um novo técnico e um novo sistema, mas dá para tirar confiança daqueles resultados.

— Nós temos que estar confiantes (com base no confronto em 2020/21). Obviamente, conseguimos bons resultados contra eles na temporada passada e esperamos fazer o mesmo agora. Mas é um adversário de peso, nunca é fácil no mata-mata da Champions. É assim que devemos encarar — comentou Pulisic, em entrevista coletiva.

Chelsea tem como desfalques certos o lateral-esquerdo Ben Chilwell e o atacante Callum Hudson-Odoi.

Real Madrid ainda não sabe se vai poder contar com o técnico Carlo Ancelotti, que testou positivo para Covid-19 nos últimos dias. Ele ainda vai passar por um novo exame nesta quarta-feira.

Em se tratando de jogadores, as ausências são Eden Hazard, Isco e Jovic, todos machucados.

O goleiro Courtois também falou sobre o confronto contra o Chelsea na temporada passada. Ele destacou o fato do Real Madrid desta vez decidir a volta em casa, no Santiago Bernabéu.

— A eliminatória do ano passado foi diferente porque não havia torcida. Esse será outro jogo, em outra temporada. Estamos muito bem e com muita vontade. Queremos sair com a intensidade adequada — disse.

Quem passar desse confronto vai encarar nas semifinais o vencedor da disputa entre Manchester City e Atlético de Madrid.

Prováveis escalações:

 

Chelsea: Mendy; Azpilicueta, Thiago Silva e Rüdiger; James, Kovacic, Jorginho e Alonso; Ziyech, Havertz e Pulisic.

Real Madrid: Courtois; Carvajal, Éder Militão, Alaba e Mendy; Kroos, Casemiro e Modric; Valverde, Benzema e Vinícius Júnior.

Villarreal, atual campeão da Liga Europa, volta a disputar as quartas de final da Champions League pela primeira vez desde 2009. A classificação veio após uma vitória impressionante sobre a Juventus. Mais chocante, só mesmo a goleada do Bayern de Munique por 7 a 1 sobre o RB Salzburg, no segundo jogo das oitavas.

— Nós respeitamos muito o Bayern e vamos procurar tirar o melhor das nossas forças. Vamos jogar 90 minutos em casa com o objetivo de seguir vivos no confronto. Temos que aproveitar a oportunidade de competir, sabendo que o Bayern é o favorito — declarou o técnico Unai Emery.

Temos que fazer um jogo perfeito, mas nos preparamos para fazer um jogo perfeito”.
— Unai Emery, técnico do Villarreal, em entrevista coletiva

O técnico do time alemão, Julian Nagelsmann, reconheceu o favoritismo de sua equipe, “algo lógico, que não se pode negar”. Por outro lado, destacou o currículo de Emery, tetracampeão da Liga Europa.

— O Villarreal tem um técnico com muita experiência de vitórias no cenário internacional. O time é muito experiente e precisamos descobrir como quebrá-los. Mesmo assim, estou confiante de que seremos bem sucedidos — comentou Nagelsmann.

O Bayern vai contar com o retorno de duas peças importantes: o lateral-esquerdo Alphonso Davies, que sofreu uma miocardite em consequência da Covid-19 e não joga há quase quatro meses; e o volante Leon Goretzka, que voltou no último fim de semana — e com gol — depois de superar uma sequência de lesões.

Os jogadores que não foram relacionados para ese primeiro jogo no Estádio de La Cerámica foram o meio-campista Chukwueze, pelos lados do Villarreal, e o meia Tolisso e o atacante Choupo-Moting, do Bayern.
Quem passar desse embate vai enfrentar nas semifinais o vencedor de Benfica x Liverpool.

Prováveis escalações:

 

Villarreal : Rulli; Foyth, Albiol, Pau Torres e Pedraza; Trigueros, Capoue e Parejo; Lo Celso, Gerard Moreno e Danjuma.

Bayern de Munique: Neuer; Pavard, Süle, Hernández e Davies; Kimmich e Goretzka; Sané, Müller e Coman; Lewandowski.

Fonte: GE

Foto: Infografia ge

Marcado como

Opnião dos Leitores

Você não está autenticado, clique aqui. para acessar o sistema!.


Notícia FM

Ligou, virou Notícia!

Faixa Atual

Título

Artista

Ligou, virou Notícia!

Precisa de ajuda?